Iniciação Sexual – falta de experiência

Os jovens em especial, são muito vulneráveis ao problema de Ejaculação Precoce devido a ansiedade, falta de experiência e de informação.
Ainda hoje, Sexo é um assunto pouco discutido e abordado nas famílias, levando as pessoas a procurar informação na rua, televisão, internet e com amigos.
O início da vida sexual é permeado por sentimentos de tensão, medo insegurança e ansiedade, e sendo os fatores emocionais os maiores causadores de ejaculação precoce, é natural que nos jovens o problema seja mais freqüente.

É comum acontecer de no início da vida sexual os jovens não terem um local adequado para ter relações, ou ainda tenham medo de uma possível gravidez ou de serem surpreendidos, fazendo com que o orgasmo tenha que ser atingido rapidamente. Muitos jovens, principalmente os que apresentam uma formação religiosa mais rigorosa, incorporam desde cedo que “sexo é pecado” e é comum terem receio de serem pegos se masturbando. A masturbação é parte natural de uma fase delicada do desenvolvimento, a de formação da sexualidade, e sendo assim muitos garotos condicionam-se a ejacular muito rápido, para que não sejam surpreendidos.

Com o passar do tempo e o ganho de experiência, normalmente o jovem começa a conhecer melhor o próprio corpo e controlar a ejaculação, o que leva a diminuição ou fim do problema. Porém, um início de vida sexual conturbado e permeado de medo e culpa pode ser causa de um problema efetivo de Ejaculação Precoce, que poderá persistir e até se agravar no decorrer da vida do homem. Nesse caso um tratamento será indicado.

Parceiros

Ritma

Especialistas

Conheça os especialistas

Conte sua historia

Visualizar Enviar

Colaboradores

Arte_Colaboradores
Colaboradores